O ZnT8 é um autoanticorpo que se destina à confirmação de autoimunidade no diabetes tipo 1, complementando o estudo realizado com os demais autoanticorpos, como anti GAD, IA-2 e anti-insulina.
Indicação: No diagnóstico de indivíduos nos quais a origem auto-imune da doença não esteja clara, em jovens com manifestações clínicas que não se enquadram no quadro típico de diabetes tipo 1, no diagnóstico diferencial de cetose quando o quadro de diabetes tipo 1 não está claro, na suspeita de MODY, em gestantes, principalmente as com diagnóstico na gestação, eventualmente parentes de diabéticos tipo 1 quando se quer determinar auto-imunidade na família, em indivíduos com hipotireoidismo e/ou insuficiência suprarrenal associados ou outras características de poliendocrinopatia e em outros indivíduos em risco para doença autoimune na tentativa de predição diagnóstica.
Interpretação clínica: São detectados em 65 a 80% de crianças com diabetes tipo 1 recentemente diagnosticados e em 20 a 40% de adultos com diabetes autoimune. É positivo em 3 a 4% de pacientes com anti-GAD negativo, principalmente nos anos iniciais da doença. O seu uso juntamente com os outros três já clássicos propicia sensibilidade de 90 a 100%.

Sugestão de leitura complementar:

Andersson C, Vaziri-Sani F, Delli AJ, et al. Triple specificity of ZnT8 autoantibodies in relationship to HLA and other islet autoantibodies in childhood and adolescent type 1 diabetes. Pediatr Diabetes 2013;14:97-105.

Petruzelkova L, Ananieva-Jordanova R, Vcelakova J, et al. The dynamic changes of zinc transporter 8 autoantibodies in Czech children from the onset of type 1 diabetes mellitus. Diabet Med 2014;31:165-71.

Summary
Review Date
Reviewed Item
Avaliação
Author Rating
51star1star1star1star1star